terça-feira, 5 de novembro de 2013

Novembro azul - Faça o exame e previna-se contra o câncer da próstata


Novembro é o MÊS MUNDIAL de combate ao Câncer de Próstata. Mas antes de explicarmos mais sobre a doença, você sabe o que é próstata?

A próstata é uma glândula que só o homem tem e se localiza na parte baixa do abdômen. Trata-se de um órgão muito pequeno, com cerca de 25 a 30 gramas, e que se parece com uma castanha, situada logo abaixo da bexiga, à frente do reto. A próstata envolve a porção inicial da uretra, tubo pelo qual a urina armazenada na bexiga é eliminada e produz parte do sêmen, líquido espesso que contém os espermatozóides, liberado durante o ato sexual

As causas do câncer de próstata ainda são desconhecidas. Embora apareça em homens com mais de 65 anos de idade, as chances de desenvolver a doença aumentam em até dez vezes se já houve algum caso de câncer de próstata na família, como pai ou irmão. Outros fatores, como o estilo de vida, alimentação inadequada à base de gordura animal e pobre em frutas, legumes, verduras e grãos também podem interferir no surgimento da doença.

Este é um tipo de câncer que demora a se manifestar, exigindo exames preventivos com frequência para não ser descoberto em estado avançado e potencialmente fatal. Homens a partir dos 50 anos de idade (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família), devem procurar um urologista anualmente para realizar os exames preventivos.

O toque retal, que é rápido e indolor, mostra se a próstata apresenta algum tipo de alteração. Caso seja detectada, o médico pode solicitar outros exames para confirmar o diagnóstico, como a dosagem de PSA (antígeno prostático) no sangue e a biópsia, que é a retirada de fragmentos da glândula para análise. A partir dos resultados, o urologista poderá dar o diagnóstico correto.

Conforme o tumor cresce, há dificuldade de urinar; o jato de urina fica mais fraco; aumenta a frequência das micções, especialmente à noite; há dor ou ardência no ato de urinar ou na ejaculação; e um pouco de sangue pode aparecer na urina ou no sêmen. Em uma fase mais avançada, pode causar dores nos ossos, infecções generalizadas e até insuficiência renal.

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Mês de Outubro é dedicado à saúde da mulher


Câncer do Colo do Útero 

O que é colo do útero? 

É a parte do útero localizada no final da vagina. Por localizar-se entre os órgãos externos e internos, fica mais exposto ao risco de contrais doenças. 
O que é câncer do colo do útero? 
É um tipo de câncer que demora muitos anos para se desenvolver. As alterações das células que dão origem ao câncer do colo do útero são facilmente descobertas no exame preventivo. Conforme a doença avança, os principais sintomas são sangramento vaginal, corrimento e dor. 
O que pode levar ao câncer do colo do útero? 
A principal causa é a infecção por alguns tipos de vírus chamados de HPV - Papiloma Vírus Humano. Fatores como o início precoce da atividade sexual, a diversidade de parceiros, o fumo e a má higiene íntima podem facilitar a infecção. 
Como evitar? 
Fazendo o exame preventivo (Papanicolaou). As lesões que precedem o câncer do colo do útero não têm sintomas, mas podem ser descobertas por meio do Papanicolaou. Quando diagnosticado na fase inicial, as chances de cura são de 100%. 
O que é o exame preventivo? 
É a coleta da secreção do colo do útero, utilizando espátula e escovinha. O material é colocado em uma lâmina de vidro para ser examinado posteriormente num microscópio. 
Quem deve se submeter ao exame? 
Todas as mulheres que têm ou já tiveram atividade sexual, principalmente aquelas com idade de 25 a 59 anos. As mulheres grávidas também podem fazer o preventivo. 
Quais os cuidados para a realização do exame preventivo? 
Não ter relação sexual, nem mesmo com camisinha, dois dias antes do exame; não usar duchas ou medicamentos vaginais nos dois dias anteriores ao exame e não estar menstruada (regulada). Em caso de sangramento fora do período menstrual, a mulher deve procurar o serviço de ginecologia. 
O exame dói? 
O exame é simples e rápido. Pode, no máximo, provocar um pequeno incômodo. No entanto, esse desconforto diminui se a mulher conseguir relaxar e se o exame for feito com delicadeza e boa técnica. 
O que fazer após o exame? 
A mulher deve retornar ao local onde foi realizado o exame - ambulatório, posto de saúde ou centro de saúde mais próximo - na data marcada para saber do resultado e receber instruções. Tão importante quanto realizar o exame é buscar o resultado. 
E se o resultado der alguma alteração? 
O médico deverá encaminhar a mulher para a realização de outro exame mais detalhado. Caso seja necessário, será feito um tratamento. 
Com que freqüência deve ser feito o preventivo? 
Caso o exame não tenha apresentado qualquer alteração, a mulher deve fazer o preventivo no ano seguinte. Se novamente não houver alteração, o exame poderá ser realizado de três em três anos. 
Converse com seu médico e informe-se sobre o exame Papanicolaou. 

Câncer de Mama
É o tipo de câncer mais freqüente na mulher brasileira. Nesta doença, ocorre um desenvolvimento anormal das células da mama, que multiplicam-se repetidamente até formarem um tumor maligno. 
Como a mulher pode perceber a doença? 
O sintoma do câncer de mama mais fácil de ser percebido pela mulher é um caroço no seio, acompanhado ou não de dor. A pela da mama pode ficar parecida com uma casca de laranja; também podem aparecer pequenos caroços embaixo do braço. Deve-se lembrar que nem todo caroço é um câncer de mama, por isso é importante consultar um profissional de saúde. 
Como descobrir a doença mais cedo? 
Toda mulher com 40 anos ou mais de idade deve procurar um ambulatório, centro ou posto de saúde para realizar o exame clínico das mamas anualmente, além disso, toda mulher, entre 50 e 69 anos deve fazer pelo menos uma mamografia a cada dois anos. O serviço de saúde deve ser procurado mesmo que não tenha sintomas! 
O que é o exame clínico das mamas? 
É o exame das mamas realizado por médico ou enfermeiro treinado para essa atividade. Neste exame poderão ser identificadas alterações nas mesmas. Se for necessário, será indicado um exame mais específico, como a mamografia. 
O que é mamografia? 
È um exame muito simples que consiste em um raio-X da mama e permite descobrir o câncer quando o tumor ainda é bem pequeno. 
O que pode aumentar o risco de ter câncer de mama? 
Se uma pessoa da família - principalmente a mãe, irmã ou filha - teve essa doença antes dos 50 anos de idade, a mulher tem mais chances de ter um câncer de mama. Quem já teve câncer em uma das mamas ou câncer de ovário, em qualquer idade, também deve ficar atenta. As mulheres com maior risco de ter o câncer de mama devem tomar cuidados especiais, fazendo, a partir dos 35 anos de idade, o exame clínico das mamas e a mamografia, uma vez por ano. 
O auto-exame previne a doença? 
O exame das mamas realizado pela própria mulher, apalpando os seios, ajuda no conhecimento do próprio corpo, entretanto, esse exame não substitui o exame clínico das mamas realizado por um profissional de saúde treinado. Caso a mulher observe alguma alteração deve procurar imediatamente o serviço de saúde mais próximo de sua residência. Mesmo que não encontre nenhuma alteração no auto-exame, as mamas devem ser examinadas uma vez por ano por um profissional de saúde! 
O que mais a mulher pode fazer para se cuidar? 
Ter uma alimentação saudável e equilibrada (com frutas, legumes e verduras), praticar atividades físicas (qualquer atividade que movimente seu corpo) e não fumar. Essas são algumas dicas que podem ajudar na prevenção de várias doenças, inclusive do câncer.


Fonte: Ministério da Saúde  

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Ação Ambiente Livre do Tabaco: Palestra sobre o Tabagismo com o Dr. Oscar

Palestra realizada pela Secretaria Municipal de Saúde de Centralina, atendendo a ação de criação do Ambiente Livre do Tabaco. Na ocasião, o Dr. Oscar Feldner explica sobre os problemas do cigarro e os malefícios que traz para a saúde. Palestra realizada com os colaboradores da saúde do município. Acompanhe.


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Vacinação anti-rábica urbana tem início nesta Segunda-Feira em Centralina

Iniciou hoje (5/8) a vacinação anti-rábica na zona urbana de Centralina. Hoje, segunda-feira, o local escolhido foi a Praça do Bairro São Januário, em frente a Escola Municipal do Bairro. Nos demais dias da semana, os agentes estarão visitando as outras praças da cidade para aplicar a dose nos cães e gatos do município.






quarta-feira, 17 de julho de 2013

MINAS SAÚDE: Abordagem das condições crônicas e hipertensão arterial


Vigilância Sanitária realiza apreensão de produtos vencidos em Centralina

Mais uma vez o trabalho da Vigilância Sanitária do Município de Centralina realizou vistorias e apreensões no comércio local. Dessa vez, com a colaboração de técnicos da regional de saúde de Ituiutaba, a VISA de Centralina apreendeu uma grande quantidade de produtos de higiene pessoal, limpeza e produtos alimentícios, os quais estavam com a data de validade vencida. Os consumidores devem estar sempre atentos e denunciar os estabelecimentos que insistem em colocar nas prateleiras produtos vencidos.






sexta-feira, 5 de julho de 2013

Equipes da Saúde realizam atividades com a Terceira Idade

Foi realizado hoje (5/7) no Clube dos Trabalhadores de Centralina uma atividade lúdica muito animada com a comunidade da Terceira Idade que participa ativamente e regularmente de atividades recreativas promovidas pela Secretaria Municipal de Saúde. Na ocasião foram ministradas palestras educativas e realizadas algumas atividades com os presentes, que se divertiram pra valer. Estiveram presentes, além do Secretário de Saúde Antônio Marconi, a médica Delisângela, a Fisioterapeuta Tatiane, a Fisioterapeuta Alinne Gomes, a Psicóloga Muriel, além de alguns colaboradores da Vigilância em Saúde, Sanitária e Epidemiológica da SMS. O dia foi de alegria e muita atividade. Parabéns aos participantes!
















terça-feira, 25 de junho de 2013

A gripe pode matar. Previna-se!


DENGUE: Saiba tudo sobre a doença

62). EM QUAL DOENÇA OS SINTOMAS PERSISTEM POR MAIS TEMPO, NA DENGUE OU NA GRIPE?
A gripe apresenta baixa na febre em torno de dois a três dias após seu início, geralmente. Ficam apenas os sintomas respiratórios que vão desaparecendo gradualmente dependendo do indivíduo. Já os pacientes com dengue permanecem com febre por sete dias e, depois desse período, aos poucos, percebem melhora da fraqueza e diminuição das lesões de pele.

63). EXISTE ALGUM EXAME QUE PODE AUXILIAR O DIAGNÓSTICO?
Há exames tanto para a dengue quanto para o vírus influenza. No segundo caso, o exame é realizado somente em casos graves. Já no caso da dengue, entre o primeiro e o terceiro dia de sintomas, podem ser coletados exames de sangue para identificação da doença. O exame de sangue mostra se há uma produção maior de anticorpos responsáveis por acabar com o vírus da dengue, confirmando a doença.

I M P O R T A N T E 

Quando há suspeita de dengue, até mesmo se a pessoa apresentar somente um ou outro sintoma, sendo leve ou brando, ela deve procurar atendimento médico.

64). EXISTE EXAME ESPECÍFICO PARA DETECTAR O VÍRUS?
O diagnóstico é realizado através de exames clínicos, exames laboratoriais e investigação epidemiológica.

65). QUAIS SÃO OS SINTOMAS MAIS COMUNS?
Os sintomas se iniciam com febre intensa repentina, dor de cabeça, dores fortes nos olhos, na musculatura e nas juntas. Podem aparecer erupções na pele.

66). O QUE ACONTECE NO HOSPITAL?
Nos casos de choque, há necessidade de UTI para reversão do quadro, recebendo-se todo tratamento e suporte necessário.

segunda-feira, 24 de junho de 2013

VÍDEO: Uso de drogas nas escolas? A solução é prevenir!


Mais 5 questões e respostas sobre a DENGUE!!!

57). QUAIS OS SINTOMAS QUE INDICAM QUE A DOENÇA SE COMPLICOU E PODE ATÉ MATAR?
As formas graves da doença são as hemorrágicas que acometem pele, tecidos subcutâneos e trato intestinal podendo levar ao choque e à morte.

58). COMO É POSSÍVEL DESCOBRIR SE A DOENÇA SE AGRAVOU?
Somente o médico pode indicar se o doente vai desenvolver formas graves da doença.

59). O QUE PODE AJUDAR NO CONTROLE DA DOENÇA?
É fundamental que os casos suspeitos e/ou confirmados de dengue sejam notificados às autoridades sanitárias municipais que desenvolverão medidas de controle da doença.

60). COCEIRAS E MANCHAS PELO CORPO SÃO SINTOMAS TAMBÉM?
Um vermelhão pelo corpo é um sintoma comum da dengue que, algumas vezes, pode passar despercebido.

61). QUANDO É PRECISO INTERNAÇÃO?
A internação pode ser necessária nos casos de dengue hemorrágica com sinais de sangramento e indicada nos casos de choque que, inicialmente, manifesta-se com piora dos sintomas iniciais, extremidades frias e úmidas, transpiração excessiva, hipotensão, taquicardia, dentre outros.

Aborto: O Grito Silencioso


terça-feira, 18 de junho de 2013

Mais quatro questões e respostas sobre a DENGUE

54). O QUE FAZER PARA O DOENTE NÃO PASSAR DENGUE PARA OUTROS MEMBROS DA FAMÍLIA?
A dengue não é transmitida de uma pessoa para outra, por isso é necessária a presença do agente transmissor, no caso o mosquito Aedes aegytpi. A doença será transmitida quando a fêmea do Aedes picar uma pessoa infectada e na sequência picar uma pessoa que ainda não possui o vírus. Sendo assim, a maneira mais eficaz de evitar a contaminação de várias pessoas da mesma família é eliminar a presença do mosquito transmissor da dengue nos locais de convivência dessa família. A melhor maneira de eliminar o mosquito é acabar com os criadouros. Inseticidas podem ser utilizados para matar o mosquito adulto.

55). O QUE SÃO LARVICIDAS?
Os larvicidas servem para matar as larvas do Aedes. São aqueles produtos em pó, ou granulado, que o agente de combate à dengue coloca nos ralos, caixas d´agua, ou seja, naqueles lugares onde água parada que não pode ser eliminada.

56). GELADEIRAS PODEM ESCONDER CRIADOUROS DO MOSQUITO DA DENGUE?
Sim.Algumas geladeiras mais modernas possuem um reservatório na parte de trás que acumula água. O ideal é limpar regularmente ou adicionar larvicida para evitar que o local se torne um criadouro. Uma solução simples e caseira é colocar água sanitária nesse reservatório para evitar a procriação do Aedes aegypti.

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Orientações para profissionais de Saúde - Maneira correta de lavar as mãos


A DENGUE em 100 questões e respostas

51). ÁGUA SANITÁRIA PODE SER USADA NO CONTROLE DAS LARVAS DO AEDES AEGYPTI?
Sim. É necessária uma colher de sopa de água sanitária para cada cinco litros de água para controlar o aparecimento das larvas.

52). HÁ REMÉDIOS CASEIROS PARA TRATAR A DENGUE?
Não. É possível tratar apenas os sintomas da doença.

53). A NEBULIZAÇÃO OU FUMACÊ PARA MATAR O MOSQUITO DA DENGUE FUNCIONA?
Sim, os produtos funcionam. Tanto os larvicidas quanto os inseticidas distribuídos aos estados e municípios pela SVS (Secretaria de Vigilância em Saúde) têm eficácia comprovada, sendo preconizados por um grupo de especialistas da Organização Mundial da Saúde. O fumacê não é aplicado indiscriminadamente, sendo utilizado somente quando existe a transmissão da doença em surtos ou epidemias. Desse modo, a nebulização pode ser considerada um recurso extremo, porque é utilizada num momento de alta transmissão, quando as ações preventivas de controle à dengue falharam ou não foram adotadas. Algumas vezes, no entanto, o mosquito adquire resistência ao produto. Quando isso ocorre, é necessário substituir o produto utilizado.

Servidores da Saúde recebem uniformes e crachás de identificação

Desde o final do mês de Maio deste ano, todos os servidores da saúde de Centralina trabalham bem identificados. A Secretaria Municipal de Saúde disponibilizou a todos um kit, contendo 2 camisas / camisetas e crachás de identificação para cada colaborador.

A medida, segundo o Secretário Municipal, Antônio Marconi, visa dar mais credibilidade aos agentes de saúde, de endemias e da vigilância sanitária, por exemplo, no momento em que fazem as visitas no comércio ou nos domicílios, além de dignificar a função de cada um.
Todos os servidores receberam os uniformes e crachás

quinta-feira, 13 de junho de 2013

ENTENDENDO A DENGUE em 100 perguntas e respostas

47). COMO POSSO EVITAR A DENGUE?
Combatendo locais onde o mosquito transmissor possa se reproduzir. Desse modo, evitar a dengue é acabar com os focos de acúmulo de água limpa. Assim, não acumule água em latas, embalagens, copos, plásticos, pneus velhos, vasos de plantas, garrafas, caixas d´água, latões, sacos plásticos, entre outros.

48). OS BEBÊS PODEM USAR REPELENTES?
A OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda o uso de repelentes à base de icaridina para crianças a partir dos 2 anos de idade.

49). SAL PODE SER USADO NO CONTROLE DAS LARVAS DO MOSQUITO TRANSMISSOR DA DENGUE?
Sim. São necessárias duas colheres de sopa para cada litro de água para controlar o aparecimento de larvas do Aedes aegypti.

50). HOMEOPATIA PODE SER USADA PARA PREVENIR A DENGUE?
Existem substâncias que tem efeito repelente, mas todas essas substâncias tem o tempo de eficácia reduzido.

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Silêncio é cumplicidade. Notificar é Cuidar!!!


A dengue em 100 perguntas e respostas

43). BICHOS DE ESTIMAÇÃO SÃO HOSPEDEIROS?
Não, a doença só acomete os seres humanos.

44). É VERDADE QUE SÓ AS FÊMEAS ATACAM?
Sim, a transmissão se dá pela picada do mosquito fêmea infectado.

45). EM QUE HORÁRIOS O AEDES COSTUMA ATACAR?
O mosquito da dengue costuma picar, na maioria das vezes, nas primeiras horas da manhã e nas últimas da tarde. Ele evita o sol forte, mas, até mesmo nas horas quentes, ele pode atacar à sombra, dentro ou fora de casa. Também há suspeitas de que aconteçam ataques também à noite.

46). O TRABALHO DE PREVENÇÃO DEVE CONTINUAR NO INVERNO?
Sim. No Brasil, hoje a dengue circula em todas as épocas do ano, embora a incidência maior seja nas estações chuvosas. O importante é manter a conscientização para que a população não descarte de maneira inadequada lixo que pode se tornar criadouros do mosquito da dengue, como copos, garrafas, etc. Qualquer quantidade de água parada, por menor que seja, pode se tornar um criadouro. Isso tudo sem contar com a resistência do ovo do mosquito que pode esperar meses por um pouco de água. Para acabar com a dengue, é preciso manter quintais limpos e sem possíveis criadouros o ano todo.

PROTEGER OS NOSSOS IDOSOS: Nossa obrigação. Denuncie!!!


sexta-feira, 7 de junho de 2013

DENGUE! 100 perguntas e respostas

40). EM QUE PERÍODO A PESSOA INFECTADA TRANSMITE A DOENÇA? E POR QUANTOS DIAS?
Inicia-se um dia antes do aparecimento dos sintomas e vai até o 6º dia da doença, período da viremia (em que o vírus está presente no sangue).

41). CRAVOS MOÍDOS MATAM AS LARVAS DO MOSQUITO DA DENGUE?
Não existe nada comprovado nesse sentido. O que acontece é que o cheiro forte do cravo pode funcionar, em alguns casos, como repelente natural, mas a ação de todo repelente é curta e, portanto, não é o ideal na prevenção.

42). COMO ELA É TRANSMITIDA ENTRE PESSOAS?
A transmissão se dá pela picada do mosquito fêmea infectado. O ciclo se dá da seguinte forma: homem infectado com Aedes aegypti (vírus da dengue) - homem sadio.

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Desvendando a Dengue em 100 questões

37). QUAL É O PERÍODO DE INCUBAÇÃO DA DOENÇA?
Após ter sido picado por um mosquito infectado, a pessoa apresenta sintomas da doença depois de um período que pode varia de 3 a 15 dias, sendo em média de 5 a 6 dias.

38). HÁ CASOS EM QUE A PESSOA INFECTADA NÃO APRESENTA OS SINTOMAS?
Sim, há situações em que o indivíduo não apresenta sintomas. É a forma assintomática de dengue.

39). COMO SE DÁ A TRANSMISSÃO?
O mosquito, ao picar uma pessoa que apresenta o vírus da dengue no sangue, se infecta e, após um período de aproximadamente 10 dias, está pronto para transmitir a doença para outras pessoas.

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Dia 8 é o "Dia D" da Vacinação Infantil. Fique atento(a)!


Saiba tudo sobre a dengue em 100 questões

34). QUAL É O PERÍODO DA FASE PUPAL?
A duração dessa fase é de 2 dias em média.

35). O MOSQUITO ADULTO SE ALIMENTA DO QUÊ?
O mosquito adulto, tanto o macho quanto a fêmea se alimentam de néctar e sucos vegetais, sendo que a fêmea precisa de sangue para maturação dos ovos. O tempo de vida neste período gira em torno de 30 dias. O intervalo entre a alimentação sanguínea e a colocação dos ovos varia de 2 a 3 dias.

36). QUANTO TEMPO DURA O CICLO DE VIDA DO MOSQUITO?
A duração do ciclo de vida em condições favoráveis é, em média, de 8 dias.

terça-feira, 4 de junho de 2013

Desvendando a dengue em 100 questões

31). QUAL É A FASE MAIS RESISTENTE DO MOSQUITO?
A fase do ovo é a de maior resistência, variando entre 6 meses e 1 ano. Em recipientes com água, os ovos são depositados pelas fêmeas, perto da linha de água, aderindo a parede interna dos recipientes. O tempo para o desenvolvimento embrionário dura de 2 a 3 dias.

32). A PESSOA PERCEBE A PICADA?
Não, pois no momento não dói e nem coça.

33). QUANTO TEMPO LEVA A FASE DA LARVA?
A duração da fase larvária é de 5 a 10 dias. As larvas de Aedes aegypti se desenvolvem na água acumulada de recipientes artificiais, localizados n o interior das casas ou em suas imediações (terrenos baldios), em lugares em que se acumulam água parada. As larvas se alimentam de detritos orgânicos, bactérias, fungos e protozoários existentes na água.

Amanhã mais questões.

segunda-feira, 3 de junho de 2013

ALERTA!!! Centralina é um dos municípios com maior casos de dengue notificados no estado

Mais uma notícia que nos deixa preocupados e faz com que estejamos sempre ALERTAS com a Dengue. Nossa cidade está entre as de maiores casos de dengue notificados. Portanto, devemos estar sempre em alerta com os cuidados com o nosso quintal. Vamos fazer a nossa parte e reverter esses números.

Municípios com maior incidência de casos notificados de dengue, 2013*
Município
Tx. Incidência (I)
Casos notificados
Veríssimo
16214,66
562
Ipiaçu
13662,93
561
Corinto
10346,85
2.473
Luz
10296,14
1.801
Delta
10114,72
820
Doresópolis
8680,56
125
Ibiaí
7756,09
608
Lassance
7611,71
494
Conquista
7583,88
495
Visconde do Rio Branco
7406,72
2.811
Felixlândia
7308,26
1.032
Machacalis
7126,47
497
Pitangui
6906,35
1.750
Pirajuba
6796,74
317
Ipanema
6687,21
1.215
Uberaba
6655,07
19.699
Capitão Enéas
6631,00
942
São José do Goiabal
6547,20
369
Fronteira
6492,49
912
Centralina
6416,75
659
Timóteo
6289,53
5.102
Coronel Fabriciano
6248,74
6.486
Jequitaí
6192,26
496
Betim
6120,30
23.107
Guaraciama
6102,99
288
Cachoeira da Prata
6102,90
223
São Gonçalo do Pará
6016,34
626
Cachoeira Dourada
5905,83
148
Bocaiúva
5882,61
2.741
Paraopeba
5879,23
1.327
Total
78.686
Fonte: Planilha Simplificada - DVA/SVEAST/SubVPS/SES-MG e SINAN ONLINE
Obs. *Dados parciais sujeitos a revisão para o ano de 2013

Informe Epidemiológico da Dengue: 31/05/2013

Até o momento foram notificados 355.875 casos de dengue em Minas Gerais, destes, 140.012 foram confirmados. 
  • A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais identificou em 2011 a reintrodução do Sorotipo DEN-4 em seu território. Esse sorotipo não circulava no Estado há quase 30 anos; desta forma a maior parte da população com menos de 30 anos está susceptível à infecção pelo vírus.
  • Entre os meses de novembro e maio, historicamente observa-se maior concentração no número de casos de dengue notificados em função das condições climáticas favoráveis.
  • A troca de gestão ocorrida em aproximadamente 83% das prefeituras do Estado provocou desmobilização de muitas equipes de controle e vigilância o que pode ter acarretado atraso na digitação e envio da informação do número de casos.
  • É de fundamental importância a participação da população no controle da dengue. As pesquisas mais recentes apontam que mais de 80% dos focos de Aedes aegypti encontram-se dentro dos domicílios.

Óbitos
Em 2013 existem 74 óbitos confirmados em Minas Gerais.
Municípios com óbitos confirmados em 2013:
Uberaba (16), Uberlândia (2), Juiz de Fora (1),Mamonas (1), Carangola (2), Frei Gaspar (1), Buritizeiro (1), Ituiutaba (2), Ipanema (2), Teófilo Otoni (5), Cataguases(1), Pirapetinga (1), Pirapora (1), São Geraldo do Baixio (1), Montes Claros (3), São João da Ponte (1), Cláudio(1), Carneirinho(1), Campos Altos (1), Contagem (3), Muriaé (3), Sete Lagoas (3), Sacramento(1), Aimorés(1), Itaúna (1), Belo Horizonte (5), Pedro Leopoldo ( 1), Santa Luzia (3), Águas Formosas (1), Santa Margarida(1), Carlos Chagas (1), Bocaiúva (1), Ubaporanga(1),Nova Serrana(1),Conquista(1),Itambacuri(1),Ponto Chique(1)